seu melhor jogo

O bodybuilding é uma prática que vai muito além da simples busca por um corpo escultural. Esse esporte exige dedicação, disciplina e um profundo entendimento das diversas modalidades que o compõem.

Neste contexto, explorar as categorias do fisiculturismo torna-se fundamental para compreender a amplitude dessa atividade física que está conquistando cada vez mais fãs ao redor do mundo.

Ao todo, são oito modalidades que abraçam diferentes aspectos do desenvolvimento muscular, simetria e performance, cada uma delas exigindo do atleta um conjunto específico de habilidades.

Você já deve ter ouvido falar de alguns segmentos, como o tradicional Classic Physique, mas o fisiculturismo vai muito além disso.

Confira 👇

Categorias do fisiculturismo

  • Open
  • 212
  • Classic Physique
  • Men’s Physique
  • Fitness
  • Figure
  • Wellness
  • Wheelchair

Open

as categorias do fisiculturismo
Categorias do fisiculturismo – Open

A Open é uma das categorias do fisiculturismo mais antigas da história, caracterizada por não ter nenhuma restrição de peso. Isso significa que os bodybuilders podem competir com a massa corporal que quiserem.

A ênfase do Open está na quantidade e tamanho dos músculos, simetria, proporção adequada e definição. Em outras palavras: trata-se de uma categoria sem limites, que força o fisiculturista ao extremo.

Se destacaram na Open algumas das figuras mais icônicas do esporte, como Arnold Schwarzenegger, Lee Haney, Dorian Yates e Jay Cutler.

Vale lembrar que no torneio Mr. Olympia, a categoria Open é chamada de Mr. Olympia (para os homens) e Ms. Olympia (para as mulheres).



seu melhor jogo

212

212 fisiculturismo
Categorias do fisiculturismo – 212

Em suma, a categoria 212 é a mesma coisa que a Open, mas com uma restrição de peso. O limite, inclusive, dá o nome à modalidade: 212 libras (ou 96 kg).

Essa categoria foi criada para contemplar os fisiculturistas com estaturas mais baixas, a fim de proporcionar um maior equilíbrio às competições.

O brasileiro Eduardo Corrêa e o norte-americano Flex Lewis são alguns dos grandes nomes da modalidade. A dupla mediu forças em várias edições de Mr. Olympia, com o estadunidense sagrando-se campeão sete vezes seguidas.

Classic Physique

Classic Physique
Categorias do fisiculturismo – Classic Physique

Se você assistiu à grande final entre Chris Bumstead e o brasileiro Ramon Dino no Mr. Olympia 2023, então pôde entender a categoria Classic Physique.

Introduzida para evocar a era dourada do fisiculturismo, essa modalidade procura equilibrar tamanho, simetria, definição e proporção.

Os competidores precisam bater um peso máximo que depende da sua altura. Quanto maior a estatura, maior é o teto. No entanto, eles são julgados pela estética clássica e não apenas pelo tamanho muscular.

Nessa categoria, os bodybuilders precisam fazer poses elaboradas para mostrar volume e físicos cheios, porém sem a necessidade de manter a simetria e a proporção dos músculos, como acontece no Open.

Nas provas femininas, essa categoria é chamada de Bikini, seguindo as mesmas premissas e critérios de avaliação do Classic Physique.

Men’s Physique

Men's Physique
Categorias do fisiculturismo – Men’s Physique

A Men’s Physique também integra a lista de categorias do fisiculturismo. Nesse segmento, o destaque está em um físico mais magro e natural.

Os competidores exibem ombros, peito, costas e abdômen, mas sem a extrema definição muscular exigida no fisiculturismo tradicional. A apresentação geral e a confiança também são fatores importantes nos torneios.

Aqui, os participantes precisam ter uma rígida simetria muscular, apresentando equilíbrio entre os membros, e, sobretudo, cintura fina.

Outra particularidade da Men’s Physique é que os competidores se apresentam com bermudas, com o intuito de dar mais naturalidade às provas.

Há também a categoria Woman’s Physique, que segue os mesmos padrões de fisiculturismo, porém voltada para as mulheres.

Fitness

fitness
Categorias do fisiculturismo – Fitness

Além do componente físico, a categoria Fitness avalia performances coreografadas que combinam elementos de dança, ginástica, luta, teatro e outras formas de expressão artísticas.

Os competidores são julgados pela qualidade de suas rotinas, bem como pela condição do corpo em geral, mas sem os exagerados músculos.

Para as apresentações, os participantes podem usar uma maior variedade de roupas, como shorts, collants, tops, regatas, camisetas e até mesmo fantasias.

Figure

figure
Categorias do fisiculturismo – Figure

A categoria Figure é voltada para competidoras femininas. Diferentemente de outras modalidades, como Open e Classic Physique, essa enfatiza uma estética mais suave e atlética, com menor ênfase na massa muscular total.

O objetivo é alcançar uma aparência mais equilibrada e menos volumosa, enquanto ainda se mantém uma presença física notável.

Nas provas, as mulheres precisam fazer uma série de poses obrigatórias. Dessa forma, são avaliadas em inúmeros quesitos como simetria, definição muscular, proporção, elegância, graciosidade e performance geral.

Wellness

Wellness
Categorias do fisiculturismo – Wellness

A categoria Wellness é uma divisão feminina relativamente recente. Nessa modalidade, a ênfase está em um corpo mais sarado do que musculoso.

Uma das principais características desse segmento é a importância dada ao desenvolvimento das coxas e glúteos. As competidoras, portanto, precisam exibir músculos bem desenvolvidos nessas duas regiões.

A Wellness se distancia das premissas avaliadas em categorias mais tradicionais como Bikini e Women’s Physique. Todavia, reflete a evolução contínua do fisiculturismo para reconhecer e celebrar uma variedade mais ampla de formas e tamanhos corporais femininos.

Wheelchair

Wheelchair
Categorias do fisiculturismo – Wheelchair

Finalizamos a lista de categorias do fisiculturismo com a Wheelchair. Trata-se de uma divisão dedicada exclusivamente a atletas que utilizam cadeira de rodas, a fim de se promover uma maior inclusão nas competições.

Essa modalidade destaca fisiculturistas que superaram desafios significativos relacionados à mobilidade. Durante os torneios, padrões são adaptados para acomodar as necessidades específicas desses bodybuilders, garantindo uma competição justa e equitativa.

Assim como em outras categorias, a ênfase da Wheelchair está na estética muscular, simetria e definição. Os competidores são avaliados não apenas pela qualidade de seu desenvolvimento corporal, mas também por suas habilidades de pose e apresentação geral.

Agora você conhece as oito principais categorias do fisiculturismo! Qual é a sua modalidade preferida? Fala aí pra gente nos comentários 👊

Para mais conteúdos completos e fresquinhos sobre esportes, games e apostas, basta vir nos visitar todos os dias. Você vai adorar nossos textos!



seu melhor jogo